quarta-feira, 5 de janeiro de 2011

POEMA MARIA DE BONFÁ


MARIA DE BONFÁ

Não será o melhor que há
De sensualidade certamente
Porém a escrever a usa Maria de Bonfá
Mulher interessante e esguia
Sensual artista e poetisa
Bonfá bem podia ser só Maria
Mora em SP, Tatuapé
Região mãe da viticultura
Aposto que não de faz água-pé
Um mar de sonhos é a sua poesia
Viver de e para a arte
Como se respirasse melodia
Tem como testemunho
O uso da sua bela e suave poesia
Cultiva amizades
Sendo Tatuapé sítio de gerontes
Certamente serão de todas as idades
De olhar franco fiel
Olhar altivo como convém
Denunca doçura de mel
Mulher doce, enquanto altiva
É Maria de Bonfá
em os seus recantos onde cativa
Quem a visita adora
Se enriquece, se desvanece
Talvez a mulher seja mesmo sedutora
Usando a alfivez
Ainda que para quem estima e adora
Quem uma vez se acerca porventura
Estima-a e venera aqui e agora
Usa a persicácia
Mulher de poder sedutora

Daniel Costa

2 comentários: