segunda-feira, 2 de agosto de 2010

POEMAS UM HOMEM SÓ



SARITA

Não é menina adolescente
É grande mulher, bonita mulher
Vida interior como um presente
Mora longe
Num país quente
Adora-se essa mulher culta
Jamais do pensar fica ausente
Não se lhe nota melancolia
Traz poesia na mente
Gosta-se da Sarita
Pelo prazer da sua companhia
Não só por ser mulher bonita
De conversa agradável
Nunca se mostra esquisita
Sempre afável
Sempre elegante e bonita
Beleza muito singela
Carinha catita
Exótica? Humm, talvez
Vê-la, escutá-la
Fica-se amigo de vez
Eis a Sarita
Essa mulher culta e bela
Mulher bonita

Daniel Costa


4 comentários:

  1. Sarita é muito bonita.

    E você, Daniel é muito cordial, atencioso e muito especial.

    É isso aí, amigo.:)

    Beijos.

    ResponderEliminar
  2. Querido amigo,


    obrigada por mais este carinho e demonstração de amizade postando mais uma vez este belo poema feito pelo reflexo do seu lindo coração. A verdadeira amizade transcende as fronteiras físicas e geográficas . Os limites da nossa amizade estão firmes e sólidos em nossos corações porque unidos por afinidades, respeito e admiração mútuas e assim segue feliz, próspera e frutífera pelos caminhos encantadores da amizade. Obrigada querido amigo, grande ser humano e poeta, Daniel Costa.


    Beijos com carinho.

    ResponderEliminar
  3. Lita,

    foi através da amizade com Daniel que eu tive o grande prazer, do qual me orgulho, de lhe conhecer. Conhecer a pessoa, o Ser lindo que é você. Obrigada. Linda é você interior e exteriormente. Como vê, a amizade com Daniel foi próspera e frutífera para mim.

    Beijos com carinho, amiga.

    ResponderEliminar
  4. Daniel e Sam, que maravilha é conhecê-los.
    Vocês são lindos de verdade.

    Beijos.

    ResponderEliminar