segunda-feira, 13 de setembro de 2010

POEMAS UM HOMEM SÓ


DAR A VIDA

Realçando uma dedicação
Há quem diga dar a vida
Dar a vida por uma questão
É uma imagem
Tem havido quem dela
Se desfaça por desilusão
Seria a última coisa a ocorrer
A quem raciocine
Bem de antemão
Atentar contra a vida
Não será espírito são
Porém a imagem
Não será em vão
Talvez por humanidade
Por uma dedicação
Alguém ter passado para lá
A mesma dedicação
Acabou por trazer para cá
Ultrapassando a cancela
Depois o portão
Aventura, mesmo odisseia
De alguém que amando o mundo
Quiçá por isso, soube dizer não
Dá gozo a beleza do mundo
Onde reina putrefacta
Também grande podridão
Gostar de viver
Não será ilusão
Ao que não gostamos
De direito e dever diz-se
Não!...

Daniel Costa


5 comentários:

  1. Brilhante! É isso, Anjo! Parabéns!
    Beijos e Deus te abençôe sempre.
    Renata

    ResponderEliminar
  2. Bela ilustração e poema, Daniel. Gosto de ler seus versos e refletir sobre o que nos diz.


    Carinhoso beijo, amigo.

    ResponderEliminar
  3. A vida por mais que tenha desencantos...Lamentos.
    É sempre maravilhosa a cada vez que o sol raiar1
    Bjos achocolatados

    ResponderEliminar